Portal terá entrevistas, artigos, notas e documentos sobre o desenvolvimento nacional na nova guinada do mercado petrolífero

O Brasil Debate e o Sindicato dos Petroleiros no Norte Fluminense (SindiPetro NF) lançam hoje o projeto Diálogo Petroleiro. O primeiro artigo da parceria, de Paula Quental, está disponível aqui.

O projeto é motivado pela conjuntura econômica e política, que impõe importantes desafios para a Petrobras e para a indústria associada ao setor petrolífero, pois, com a queda no preço do petróleo e os escândalos de corrupção, a importância da empresa como agente de desenvolvimento, geração de emprego, tecnologia e crescimento tem sido questionada no debate público.

Assim, corre-se o risco de desprezar a Petrobras – sua história e esforços atuais para o desenvolvimento brasileiro – e o setor petroleiro. Mas, dentre outras conquistas, é preciso lembrar da importância da empresa e em especial do anúncio e produção de óleo oriundo de um modelo inovador: o petróleo presente além da camada de sal, o chamado de “pré-sal”, com perspectivas de mudar o país para sempre.

Nesse contexto se insere o “Diálogo Petroleiro”, com o objetivo de debater o petróleo e desenvolvimento brasileiro. O Diálogo Petroleiro busca trazer entrevistas, artigos, notas e documentos relacionados ao desenvolvimento nacional sob o viés da nova guinada do mercado petrolífero nacional. Utilizando-se das mídias sociais, o Diálogo Petroleiro pretende debater com toda a população brasileira – acadêmicos, sindicatos, movimentos sociais e cidadãos em geral – o conhecimento e as experiências sobre o Petróleo e o desenvolvimento.

Este será um canal para ratificar a importância do petróleo como indutor do desenvolvimento do Brasil, bem como servirá para reafirmar a defesa dos interesses e da soberania nacionais e na garantia de investimentos em inovação, educação, saúde, cultura e meio ambiente, a fim de enfrentar as históricas desigualdades que assolam o Brasil e nos impedem de universalizar a cidadania social, conforme inscrita na Constituição Federal de 1988.

Faça parte do projeto! Acesse e divulgue o Diálogo Petroleiro.